Veja como é a vida de um clube de futebol, em todas as competições em que se inscrevem para disputa-la a exigência de titulo é a prioridade para os seus torcedores, também não é para menos, entrar para perder não é característica de nenhum profissional do esporte.

Para o Palmeiras não esta sendo diferente e as cobranças são constantes e naturalmente, a pressão para que os resultados venham a tona é muito forte.

Todos sabem que o elenco do Verdão é limitado, porém este mesmo elenco, esta mostrando determinação personalidade nos jogos da equipe.

Reverteram resultados negativos na Copa Libertadores da América e, na próxima quinta-feira, precisa de apenas um empate para se classificar para as oitavas de finais da competição. Ironia ou não, o Palmeiras pode terminar essa fase inicial em primeiro lugar do grupo caso vença o Libertad-PAR, no Pacaembu.

No Paulistão, o time do técnico Gilson Kleina mostrou que o resultado diante do Mirassol, a goleada de 6 a 2, quinze dias atrás, foi um fato fatídico e ficou para trás.

Sorte ou ritmo de jogo? Nada disso, simplesmente os jogadores estão se esforçando para que juntos mostrem para a torcida e para a imprensa o respectivo potencial e o porquê estão no clube.

Destaco o atacante Leandro que chegou desacreditado e nos últimos jogos tornou-se peça importantíssima do esquema do treinador alviverde.

E o Valdivia? Será que ele é necessário para esse time? Será que ele não atrapalhará o desempenho positivo de um grupo que se uniu em prol do ressurgimento da verdadeira academia de futebol?

Eu acredito que o time rende mais sem o chileno do que com o próprio. As inúmeras lesões obtidas nestes últimos meses fizeram do meia um jogador dispensado na equipe e o custo-benefício não é o esperado pelos dirigentes palmeirenses.

Não estou afirmando que a diretoria do Palmeiras ou o atual presidente do clube, Paulo Nobre, estão acertando na gestão, todavia o ambiente é totalmente diferente e podemos esperar muitas mudanças de comportamento daqui para frente. Quem ganha com isso é o torcedor e todos nós que vivemos do futebol, pois a tranquilidade reinará em todos âmbitos desse apaixonado esporte.

Sidney Botelho é patrocinado pela AStech Services www.astechservices.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code