Alô Amigo!

O final de semana esta marcado pelas quartas-de-finais do Campeonato Paulista e os grandes terão que mostrar que são grandes mesmo.

São Paulo, Santos, Palmeiras e Corinthians disputam outros torneios paralelos e pouco se interessam pelo Estadual, que só é lembrado quando não se conquista nenhum título durante no ano.

Os jogos decisivos do Paulistão se conflitam com os jogos eliminatórios da Copa Libertadores da América e Copa do Brasil. Para o próprio torcedor fica complicado para investir no lazer em partidas que os próprios protagonistas não têm o mínimo interesse de disputarem.

Analisando os jogos, Santos e Palmeiras mostram a forca para o torcedor. De um lado um clube que defende o reinado de três anos consecutivos e tenta o tetra. Já o Verdão, a vitória dará moral para o jogo das oitavas da Libertadores, diante do Tijuana-MEX. O time da Capital não conta com o goleiro Fernando Praz e o meia Valdívia e o Peixe vem completo e se torna favorito nesta decisão.

Mogi-Mirim e Botafogo-SP fazem o jogo dos caipiras e querem se manter como equipes tradicionais do interior. Aliás, nos últimos anos ambos mantiveram elencos fortes e eficazes e deixam os analistas em duvidas para chegar a conclusão do favorito deste confronto. Como trata-se de um jogo único, o time do Rivaldo deve levar a melhor.

Domingo tem, em Campinas, Ponte Preta e Corinthians, que fazem o jogo mais disputado dos quatro. É o encontro do campeão mundial com o time mais regular da competição. Os treinadores terão trabalho, mas a Macaca pode aprontar com o time do Tite. Duelo em particular esta entre os atacantes Guerreiro e Willian.

E por fim, o São Paulo recebe a Penapolense no Morumbi. O Tricolor foi o primeiro colocado e leva a vantagem de jogar em casa ate a grande final. Essa é a grande diferença em relação aos demais. Ney Franco tem um time oscilante nos resultados na Libertadores e uma equipe regular no Estadual, mas a desconfiança da torcida faz com o título seja obrigatório. A equipe de Penapólis foi a sensação na competição e conquistou um feito que não será repetido tão cedo, pelo menos para eles. Mérito caseiro.

Que vença o melhor, porém para os organizadores, da Federação Paulista de Futebol e Emissora de TV detentora dos direitos de transmissão, que os grandes sejam superiores sempre.

Sidney Botelho é patrocinado pela www.astechservices.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code