Alô Amigo, três dos últimos quatro penaltis perdidos pelo Rogério Ceni gera duvida se o goleiro deve aceitar a aposentadoria antes do final do ano de 2013?

Todavia, a semana termina com o São Paulo realizando a sua terceira partida em menos de sete dias, aliás, não somente o Tricolor o Náutico foi injustiçado e seguiu a mesma rotina da equipe são-paulina.

Mas o que tomou conta das mesas de bares não foi a quantidade de jogos disputados nesta semana e, sim a quantidade de pênaltis desperdiçados pelo time do Morumbi.

Desde o mês de Julho o São Paulo não consegue assinalar as oportunidades, mais fáceis de marcar gols, que são as cobranças de penalidades. Foram pênaltis perdidos em Bayer de Munich, Portuguesa, Flamengo e agora, o Criciúma.

Somente o Rogério Ceni perdeu três das ultimas quatro penalidades e, no jogo contra os catarinenses o arqueiro demonstrou insatisfação com o seu desempenho e afirmou que faltou competência para evitar com o que o São Paulo não amargasse mais uma derrota na competição. Neste caso especifico, o Aloisio pegou a bola e recuou quando percebeu que o ídolo maior do time, tomou a iniciativa para ter a mesma atitude. Infelizmente, não houve o bom senso do líder são-paulino e deixou de lado a delegação de função e assumiu a responsabilidade e executou a cobrança, contra a meta de Galato. O final todos já sabe.

Diante deste episódio é hora certa para que o Rogério Ceni pendure as luvas?

Acredito que na fase do São Paulo, se o maior ídolo de sua história anunciasse a aposentadoria, logo geraria um tumulto sem explicação para a torcida, que o vê como interminável. Mas Amigo, não é comum um cobrador experiente ter uma fase tão irregular quanto a de Rogério Ceni e todos que apreciam o trabalho dele, terão que ter paciência, pois a maré não esta para peixes e tudo que se fazer será visto e avaliado de formas diferenciadas .

Não vejo que uma aposentadoria precoce possa ser a melhor solução para um jogador que nunca decepcionou o torcedor tricolor e, por inúmeras vezes salvou o time de derrotas memoráveis e, consequentemente são marcas particulares que superam qualquer mal momento.

Mas o torcedor esta preocupado com essa situação precária, de não vencer em casa e ver que a tabela não colabora para a melhoria.

Não é a hora de mudar o destino do caminho e é hora se apegar ao elenco e unir todas as forças para superar os obstáculos e principalmente as desconfianças da mídia e dos descrentes aficionados.

Rogério Ceni saberá entender as criticas, pelo amadurecimento adquirido nos 500 jogos disputados, somente em Campeonato Brasileiro. Mas que o momento da despedida esta próximo, está! Então torcedor corra para apreciar cada jogo são-paulino e de forma otimista, garanto que o do time do Morumbi não disputará a divisão inferior.

Existem muitos clubes piores que o time paulista e por isso afirmo em todas as letras que não há como o Tricolor descer e vou com mais ousadia, o São Paulo vai para a Sul-americana ou até Libertado res.

Bom domingo à você!

Sidney Botelho é Mestre de Cerimônias e Cerimonialista, além de Palestrante – entre em contato no email contato@sidneybotelho.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code