Se verde é esperança, o torcedor palmeirense é o mais esperançoso em ver o seu time alcançar o objetivo de ter tranquilidade na vida e ver o por do sol, ver o por do sol? Creio que o torcedor do Palmeiras não quer por muito tempo ter esse sentimento.

A goleada sofrida para o Mirassol fez a crise vir a tona na Sociedade Esportiva Palmeiras , que a muito tempo não é a tradicional Sociedade Esportiva Palmeiras que conhecemos e vangloriamos por suas glórias conquistadas.

Os últimos dois anos, para os torcedores, foram os anos mais terríveis para identificação pessoal, digo isso, porque muitas coisas aconteceram para o Palmeiras, porém a única coisa boa foi justamente o título da Copa do Brasil, no ano passado.

Vamos aos fatos…            

Goleadas para Coritiba e Mirassol, queda para a Série B do Brasileirão, jogos em estádio alugados já que o Palestra Italia esta em reforma eterna, mudanças de treinadores qualificados e ganhadores – Felipão, Muricy Ramalho e até Vanderlei Luxemburgo, troca de presidentes – Belluzo, Tirone e hoje Paulo Nobre, agressões em atletas, atrasos salariais, perdas de mando de jogos devido as punições e, mais punições, decorrentes a fúria dos torcedores alviverdes.

Observando todos esses fatos, resta a diretoria mudar de forma radical para que o time não venha a ser mais uma grande agremiação fracassada e tenha as suas atividades encerradas por, erros de, pessoas que não sabem o que estão fazendo e brincam com a paixão de milhões de torcedores em todo o Brasil.

É óbvio que todos possuem culpa por este momento vivido pelo Campeão do século passado. Mas o que fazer para mudar esse cenário negativo? Simplesmente, iniciar o processo de mudanças radicais como, por exemplo, cortando os custos desnecessários e igualar os salários dos mais experientes e cobrar por metas conquistadas, cortar as regalias para atletas aproveitadores, o mesmo para os torcedores que usufruem dos mecanismos de benefícios oferecidos por dirigentes que não gostam de cobranças. Por fim, a principal mudança para voltar a ser grande é saber que a camisa vale mais do que qualquer vaidade pessoal e, que as tradições italianas e palmeiras merecem esforço neste momento.

Amigo, palmeirense, tenha esperança, a esperança é verde e a esperança é a ultima que morre.

Feliz páscoa pra todos e que aproveitem o domingo para curtirem a família!

twitter: @dalhedalhenogol

Patrocinador: www.astechservices.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code