A imagem esta manchada!

Alo Amigo!

Muito obrigado por estar comigo aqui no meu Blog e pergunto o que esta acontecendo com os torcedores brasileiros? Perderam a noção do limite, perante o clube de coração?

Os fatos dos meses de Fevereiro e Março ficarão guardados para sempre na memória de uma família que perdeu um menino de 14 anos, morto por um sinalizador, no estádio na Bolívia. E o goleiro Fernando Praz atingido por uma xícara no saguão do aeroporto, na Argentina.

Atitudes realizadas por torcedores organizados do Corinthians e Palmeiras em territórios vizinhos que causaram vergonha ao nosso País.

Mas quem é o culpado de termos pessoas que agem dessa forma, quando teriam que se divertir?

São muitos os culpados para as atitudes inadmissíveis que estamos observando e a violência esta ultrapassando o cenário esportivo e se tornando crimes civis.

A sociedade já não aguenta mais viver ameaçada sem perspectivas para que a tranquilidade venha tomar contar dos estádios no mundo.

Os Dirigentes de clubes e Federações são coniventes com os lideres das facções/organizadas. Porque digo isso? Simplesmente não há como esses torcedores estarem em todos os estádios da América Latina sem que alguém ou algum órgão patrocine os custos de viagens e ingressos.

Enquanto os Administradores do Futebol, no Brasil, não tomarem a atitude de mudarem a forma de tratamento, com a minoria da grande massa de torcedores, nunca poderemos ter um futebol digno e respeitoso.

A Conmebol errou ao não punir o Corinthians com mais severidade, deixando apenas uma multa financeira e proibição de 18 meses sem torcida nos estádios fora do Brasil.

Será que uma vida vale apenas proibir uma torcida, que levou artefatos para outro país, não entrar em estádio?

Infelizmente não! Uma vida vale muito mais! Vale a dignidade de ver a moralidade do futebol, a extinção de pessoas que defendem as cores das torcidas e não as dos Clubes. A Confederação Sul Americana perdeu a oportunidade de ser a Primeira a mudar a cultura negativa de vândalos que vão aos estádios para aterrorizarem as pessoas do bem.

O Corinthians também errou em não desvincular o seu nome da maior torcida organizada que possui. O Corinthians é muito mais que trinta mil organizados, que não colaboram com nada e só MANCHAM o nome do clube.

Digo manchar, porque no Japão foi tudo lindo, belo e perfeito. Na Bolívia fizeram o que fizeram. E na vida é muito difícil criarmos uma imagem exemplar e destruí-la é fácil. O Corinthians manchou a sua imagem com a morte do menino Kevin Spada.

E o Corinthians não serviu de exemplo para os adversários que não se lembraram dos 12 torcedores presos no exterior. Os “organizados” palmeirenses, não mediram esforços para mostrarem que estão presentes no mundo futebolístico, e agrediram os jogadores do próprio time. E o que ganham com isso? Nada, simplesmente nada! Apenas a indiferença de profissionais que não terão satisfação de vestirem o manto deste clube.

Já que o Ministério Público não faz nada para melhorar a cultura do torcedor nos estádios, A nossa sociedade tem que fazer algo para mudar todo esse cenário. Como? Não se matricule ou se credencie em Torcidas Organizadas, você que é uma pessoa do bem, você ganha duas vezes – economiza e não deixa o seu nome vinculado a algo que não te levará a nada.

Abraços à todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code